Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

'Renúncia... '


(Victor Ostrovsky)

Deixo esse amor
perdido no horizonte
de uma saudade infinita...
Retraio-me quando o
coração soluça baixinho,
sussurrando seu nome...

Estar em você, na sua vida
Agora não mais importa.
Houve dor, houve lágrimas
que revelaram a fragilidade
desse sentimento...

Se as mágoas insistem em
entristecer olhares,
melhor partir sem
olhar para trás...
Melhor fechar no peito a
imensidão de um amor
que por tão genuíno e forte,
Só nos faz chorar...

(©Cida Luz)
Preserve autoria.
Postar um comentário

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

'Renúncia... '


(Victor Ostrovsky)

Deixo esse amor
perdido no horizonte
de uma saudade infinita...
Retraio-me quando o
coração soluça baixinho,
sussurrando seu nome...

Estar em você, na sua vida
Agora não mais importa.
Houve dor, houve lágrimas
que revelaram a fragilidade
desse sentimento...

Se as mágoas insistem em
entristecer olhares,
melhor partir sem
olhar para trás...
Melhor fechar no peito a
imensidão de um amor
que por tão genuíno e forte,
Só nos faz chorar...

(©Cida Luz)
Preserve autoria.
Postar um comentário