Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 7 de dezembro de 2008

'Astro Rei!'



Diante da imensidão do mar
Alcanço a plenitude
Do ver e do sentir.
Os tons dourados do Astro-Rei
Tal uma aquarela,
Faz com que o artista
Torne espelho sua tela
Para traduzir o natural.
Recosto-me nas águas
E mapeio seus reflexos
Como preces escritas
No vôo das gaivotas
Que esvaem-se sem rastros deixar
Entre rochas e o mar.

Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 07/12/2008
Código do Texto: T1323003
Postar um comentário

domingo, 7 de dezembro de 2008

'Astro Rei!'



Diante da imensidão do mar
Alcanço a plenitude
Do ver e do sentir.
Os tons dourados do Astro-Rei
Tal uma aquarela,
Faz com que o artista
Torne espelho sua tela
Para traduzir o natural.
Recosto-me nas águas
E mapeio seus reflexos
Como preces escritas
No vôo das gaivotas
Que esvaem-se sem rastros deixar
Entre rochas e o mar.

Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 07/12/2008
Código do Texto: T1323003
Postar um comentário