Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

PARA A MULHER QUE EU SONHEI



Para subirem às vezes
Sem ter medo dos revezes
Há pessoas que descem tanto
Que as vitórias viram prantos
E o tempo incansável
Cria mudança notável
Mas por dentro não mudei
Mesmo com alguns contratempos
Exacerbei meus sentimentos
Para a mulher que sonhei.

Walter Dimenstein
3.1.2009
Postar um comentário

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

PARA A MULHER QUE EU SONHEI



Para subirem às vezes
Sem ter medo dos revezes
Há pessoas que descem tanto
Que as vitórias viram prantos
E o tempo incansável
Cria mudança notável
Mas por dentro não mudei
Mesmo com alguns contratempos
Exacerbei meus sentimentos
Para a mulher que sonhei.

Walter Dimenstein
3.1.2009
Postar um comentário