Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

'Sou uma águia!'



Tornei-me águia
Sobrevivendo nas altas montanhas
Mergulhei em minha plenitude
E renovei-me na dor.
Em cada vôo
Busquei em mim mesma
Domar ciclones internos
Lançando-me ao vento dos sonhos
Potencializando meu sentir.
E nessa viagem sem pouso,
Atravesso os céus
Ultrapasso barreiras
Desafio abismos
Encontro a paz!


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 25/11/2008
Código do Texto: T1302251
Postar um comentário

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

'Sou uma águia!'



Tornei-me águia
Sobrevivendo nas altas montanhas
Mergulhei em minha plenitude
E renovei-me na dor.
Em cada vôo
Busquei em mim mesma
Domar ciclones internos
Lançando-me ao vento dos sonhos
Potencializando meu sentir.
E nessa viagem sem pouso,
Atravesso os céus
Ultrapasso barreiras
Desafio abismos
Encontro a paz!


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 25/11/2008
Código do Texto: T1302251
Postar um comentário