Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 25 de novembro de 2008

'Poema das tuas lágrimas'



O teu sorriso farto me anima,
me encanta... e me atormenta...
Lembra-me que um dia, eu te fiz chorar.
Querias invadir o meu interior,
e eu, no meu egoísmo,
fechava espaços, ocultava emoções.
Até que vi brilhar em tua face
uma reticente lágrima... E eu vi, em ti,
que um homem chora!
Jamais esqueci, e se eu pudesse,
voltaria no tempo...
Pra dizer mil vezes que te amo,
que és tudo para mim...
O meu Céu, minha esperança,
o meu amor, a minha vida!
E te deixaria conhecer o meu íntimo
e saquear a minha alma...
Pra nunca ter te visto chorar...
Mas... Essa não seria eu!
E, sendo eu outra pessoa, tu me amarias?
Ou, eu te amaria sendo eu outra pessoa?
Talvez não, e então...
Tu não terias chorado...
E eu, teria perdido o teu amor...

Regina Helena
Postar um comentário

terça-feira, 25 de novembro de 2008

'Poema das tuas lágrimas'



O teu sorriso farto me anima,
me encanta... e me atormenta...
Lembra-me que um dia, eu te fiz chorar.
Querias invadir o meu interior,
e eu, no meu egoísmo,
fechava espaços, ocultava emoções.
Até que vi brilhar em tua face
uma reticente lágrima... E eu vi, em ti,
que um homem chora!
Jamais esqueci, e se eu pudesse,
voltaria no tempo...
Pra dizer mil vezes que te amo,
que és tudo para mim...
O meu Céu, minha esperança,
o meu amor, a minha vida!
E te deixaria conhecer o meu íntimo
e saquear a minha alma...
Pra nunca ter te visto chorar...
Mas... Essa não seria eu!
E, sendo eu outra pessoa, tu me amarias?
Ou, eu te amaria sendo eu outra pessoa?
Talvez não, e então...
Tu não terias chorado...
E eu, teria perdido o teu amor...

Regina Helena
Postar um comentário