Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 12 de março de 2009

BIOGRAFIA



Não se preocupem com a minha biografia.
Ela é cópia de alguns traços cartográficos
de reticências espalhadas entre estrelas...

Biografia é uma história de vida apócrifa.
A minha ninguém a escreveu, nem poderia.
Faltaria o epílogo do amor não resolvido:
esse ponto final seria o último planeta
do universo desconhecido.

Cumpri minha missão, porque eu já beijei
tudo na vida e andei de tudo neste mundo.
Deitei a boca no pó para abraçar a sombra
dormi com todas as insônias por amor
fui aeronauta da noite pousada no telhado
fui o cavaleiro fiel das castas infidelidades
andei de vento sem camisa para ver
como era o acaso e só depois eu aprendi
como era viver de brisa:

é como viver sozinho
de muitos sonhos pequenos,
por falta de companhia para viver
o grande sonho de uma flor
do tamanho proporcional
ao tamanho do meu amor...

Julis Calderón
Postar um comentário

quinta-feira, 12 de março de 2009

BIOGRAFIA



Não se preocupem com a minha biografia.
Ela é cópia de alguns traços cartográficos
de reticências espalhadas entre estrelas...

Biografia é uma história de vida apócrifa.
A minha ninguém a escreveu, nem poderia.
Faltaria o epílogo do amor não resolvido:
esse ponto final seria o último planeta
do universo desconhecido.

Cumpri minha missão, porque eu já beijei
tudo na vida e andei de tudo neste mundo.
Deitei a boca no pó para abraçar a sombra
dormi com todas as insônias por amor
fui aeronauta da noite pousada no telhado
fui o cavaleiro fiel das castas infidelidades
andei de vento sem camisa para ver
como era o acaso e só depois eu aprendi
como era viver de brisa:

é como viver sozinho
de muitos sonhos pequenos,
por falta de companhia para viver
o grande sonho de uma flor
do tamanho proporcional
ao tamanho do meu amor...

Julis Calderón
Postar um comentário