Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 21 de junho de 2009

Meditação


(Daniel Gerhartz)


Quando a platéia se retira,
os sentimentos morrem,
e a vida suspensa por uma haste
equilibra sonhos deitados em esteiras

O tempo espera as espigas do mundo
varridas pela poeira
esquecendo a cadência dos passos
no desfiladeiro do silêncio

Mergulho então no céu que me grita
enquanto anjos temporários
partem o silêncio
que saem do meu mutismo


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 17/06/09
Código do Texto: T1652812
Postar um comentário

domingo, 21 de junho de 2009

Meditação


(Daniel Gerhartz)


Quando a platéia se retira,
os sentimentos morrem,
e a vida suspensa por uma haste
equilibra sonhos deitados em esteiras

O tempo espera as espigas do mundo
varridas pela poeira
esquecendo a cadência dos passos
no desfiladeiro do silêncio

Mergulho então no céu que me grita
enquanto anjos temporários
partem o silêncio
que saem do meu mutismo


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 17/06/09
Código do Texto: T1652812
Postar um comentário