Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 31 de julho de 2012

'ESPELHOS'


Bendito amor! Jardim, pomar, eden, garimpo,
de nossa vida, irmã!

Oh! cada qual de nós é um cristal limpo
que espelha um outro, irmã!

Claros espelhos frente a frente duplicando
a luz de uma feérica manhã -
as almas vão o amor recíproco aumentando.
É assim que fulge - é assim que cresce o lume brando
do sonho nosso, irmã!


Murilo Araujo,
in "Carrilhões" (1917)
Postar um comentário

terça-feira, 31 de julho de 2012

'ESPELHOS'


Bendito amor! Jardim, pomar, eden, garimpo,
de nossa vida, irmã!

Oh! cada qual de nós é um cristal limpo
que espelha um outro, irmã!

Claros espelhos frente a frente duplicando
a luz de uma feérica manhã -
as almas vão o amor recíproco aumentando.
É assim que fulge - é assim que cresce o lume brando
do sonho nosso, irmã!


Murilo Araujo,
in "Carrilhões" (1917)
Postar um comentário